Quero criar um blog, e agora?


O post de hoje vai ser dedicado àqueles que acompanham alguns blogs e pretendem sair do modo "leitores" para serem leitores e blogueiros. Para quem é iniciante e vê as coisas "por fora", nada melhor do que se informar a respeito sobre quais são as etapas que vivenciamos no começo da criação de nossos blogs s e um pouco do que fazemos para mantê-los em dia. 

O que eu tenho para falar para essas pessoas é:

Saiba o que você pretende escrever

O que você quer passar para as pessoas? Ter um blog é expressar o que temos de melhor, é escrever ideias onde em cada parágrafo há um pouco de nós ali. Você quer falar sobre o seu dia, criar uma espécie de diário, desabafar..? Quer ensinar às pessoas um pouco sobre culinária, Biologia, o curso que você faz? Quer ter um cantinho para expôr suas poesias e textos românticos? Quer falar sobre música? Quer falar sobre uma doença que você superou? Quer falar sobre assuntos de beleza?

Você pode criar um blog com n temáticas, há muitas possibilidades. Mas seja lá o que você pretende escrever, tenha em mente que deve ser algo que você goste, ame, e que você domina conhecimento. Tem que ser algo que você saiba escrever sinceramente e despertar uma aproximação com seus leitores. Pense nisso com carinho.

Escolha um nome legal

Agora que você tem noção sobre o que vai rolar no seu blog, sobre o que você vai escrever, chegou a vez de você criar um nome que seja a cara do seu blog. Sim, a cara mesmo, faz sentido um blog onde o assunto é "maquiagens" ter um nome que remeta a esportes? Falando assim parece fácil, mas é nessa hora que devemos contar com algo chamado criatividade.

Às vezes antes mesmo de criarmos um blog, uma empresa, etc, já temos um nome legal em mente. Se tratando de blogs, cada espaço é único e cada autor também, ambos com suas identidades. É interessante que o nome do seu blog seja único, criativo, fácil de memorizar, tenha referência com a categoria em que ele se encaixa, e, intrinsecamente, tenha um significado especial para você. 

E o que seria um nome legal? Essencialmente, um que você goste e que seja diferente! Já pensou em ter que trocar o nome do blog várias vezes porque você não estava satisfeito com ele? Já pensou em ter um blog com o mesmo nome de 20 blogs já existentes? Chato né!? No meu caso eu já criei n blogs com títulos em português, tentei criar algo "bonitinho", mas eu sempre perdia o encanto e não tem nenhum nome em português que me encante. O nome do meu blog é muito diferente à primeira vista, é, mas é diferente de muitos que já existem, é único, tem significado pra mim, e acredito que com o passar do tempo se torna significativo para os leitores também.

Se você tem dúvidas quanto à escolha do nome, brinque com o seu nome ou crie um com seu próprio nome mesmo. Eu fiz um post bem legal com 200 dicas de nomes para blogs, se você ainda tiver dúvidas.

Escolha a Plataforma

Onde você vai criar seu blog? Quando eu comecei eu amava usar o Uol Blog e ter meu endereço com o final .zip.net. Hoje, apesar da plataforma ainda existir, praticamente nenhum blogueiro da atualidade a usa. Por quê? Porque hoje a visão de blogs mudou bastante e há uma preocupação com SEO - como você é iniciante, é interessante já ir no Google pesquisando sobre SEO pra entender o que ele é -, com a aparência do blog, sistema de comentários, organização, e muitos outros detalhes.

Eu recomendo a criação de blogs no Blogger ou no Wordpress. Qual o melhor? O Wordpress parece mais vantajoso por facilitar o ranking do blog nas pesquisas do Google, possuir plugins específicos e ter uma imensa galeria de desenvolvimento de templates na internet, por exemplo. Mas se você tiver um blog no Blogger, você pode ter um blog e um alcance de leitores tão bom quanto um criado no Wordpress, desde que você se aperfeiçoe para isso e pesquise bem! Ambas as plataformas são muito boas e prestigiadas. Eu uso o Blogger, e por enquanto não pretendo migrar para o Wordpress.

Outra dúvida que possa surgir é quanto ao domínio ".com", ".br" e outros... Se você pretende comprar um para dar um "ar profissional" ao seu blog, faça pesquisas, ouça a opinião de blogueiros, e procure saber uma hospedagem de confiança, e claro, que lhe seja viável financeiramente. Eu comprei minha hospedagem no GoDaddy e não tenho a menor dor de cabeça por lá (em menos de 24h o blog estava on-line como .com).

Escolha a aparência do seu blog

Já pensou no design? Como será a imagem que você vai pôr no layout? Você fará um ícone para o seu blog? De que lado os posts irão aparecer? E muitas outra perguntas surgem na criação da identidade visual do seu blog.

Já comentei bastante sobre isso, então vou deixar alguns links:


Se organize quanto blogueiro

Há leigos que menosprezam os blogueiros afirmando que "só escrevem textos" e que isso é sinônimo de desocupação. Não mesmo! Quem produz conteúdo para internet e possui compromisso e preza pela interação com seus leitores sabe que manter um blog exige muito esforço e muito amor pelo o que faz!

Se você pretende criar um blog, pense em como você vai se organizar para isso: quantas postagens por semana você vai escrever para mantê-lo atualizado? Se você pretende escrever textos bem completos e atualizados, você precisa se manter informado, o que requer que você leia muito e dedique um tempo para isso. Tire um tempo para responder aos comentários dos leitores, visitar blogs novos e ler e comentar posts de outros blogueiros também!

Como você vai divulgar seus posts? Publicar um post não vai fazer com que as pessoas descubram seu blog "do nada" e apareçam nele para deixar suas opiniões. Você precisa fazer com que elas conheçam seu blog, então divulgue nas suas redes sociais e pesquise por grupos no Facebook ou em outras redes onde é permitida a divulgação entre blogueiros, de preferência procure por grupos interativos, onde além de você se divulgar e conhecer outros blogs, você aprende uma série de coisas sobre como se organizar, participa de interações, lê relatos e se aproxima de outros blogueiros, e muitas outras oportunidades que valem muito mais que uma troca de seguidores ou de likes

Falando nisso, não seja um blogueiro Ctrl + C Ctrl + V, viu? Em tudo seja original e sincero, valorizando o trabalho dos outros da mesma forma que gostaria que fizessem com o seu!

Então é isso, espero que o post possa ser útil <3

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários

  1. Adorei o post, concordo com todas as dicas, acho que primeiro temos que saber sobre o que falar e já pensar em um nome, de preferencia que seja fácil pro leitor gravar.

    www.eucurtoliteratura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ter noção sobre o que o blog vai ser ajuda MUITO!
      Obrigada por comentar :*

      Excluir
  2. É maravilhoso quando uma pessoa faz o planejamento estratégico do que deseja e com o blog não é diferente..
    Adorei as dicas

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo! Planejamento é peça chave em tudo.
      Fico feliz que tenha gostado do post!
      Beijos

      Excluir
  3. Gostei muito do seu post!Quando fui criar meu blog acabei não lendo posts assim, que poderiam ter me ajudado mais no começo; o que fiz foi entrar em contato com uma blogueira que eu gostava e perguntar sobre layout e coisas do tipo. No fim ela me deu mais informações sobre esse mundo do que eu achava que iria precisar: domínio, hospedagem etc o que foi essencial pra eu saber quanto gastaria e como funcionavam as coisas. :)


    www.meujardiminterior.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal que você teve esse ajuda com uma blogueira que você admira! Muita coisa a gente aprende por experiência, mas ter orientações com quem já conhece o trabalho ajuda muito! Evita dor de cabeça e já facilita muito em n fatores.

      Obrigada por deixar seu comentário! Um beijo :*

      Excluir
  4. Olá, Juliana!
    Desculpe por comentar em vários posts diferentes, mas me interessei muito por seu blog e vim lendo alguns de seus textos.
    Gostei do seu ponto de vista em relação ao assunto de como iniciar no mundo blogueiro. Quando tive meu primeiro blog, criei por curiosidade apenas para ver como era. Foi bem legal, aprendi várias coisas bacanas ao longo do tempo.
    Comprei domínio, escrevia uma coisa ou outra por diversão. Depois, muitas mudanças vieram à tona e me vi obrigada a dar um tempo de tudo para que eu pudesse dedicar-me integralmente aos projetos pessoais. Quis voltar, mas confesso que fico perdida e sem saber o que fazer ou sobre o quê escrever. Sendo assim, parei. Se volto? É uma pergunta sem resposta.
    Gosto do modo como redige o que escreve. Sinceridade em cada palavra.
    Te desejo sucesso.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que nada Gaby!
      Tão legal ver o quanto a gente evoluiu né? Tudo muda... A Blogosfera muda, a gente muda... rs. Todo mundo acaba tendo suas fases, seus blogs, jeito de escrever... Fico feliz que tenha gostado tanto do meu blog atual, e espero me deparar com o seu on-line qualquer dia desses <4
      Beijos e muito obrigada por tudo!

      Excluir